blog postagem 1
Como aumentar a precisão e confiabilidade dos dados de impacto?
agosto 31, 2022
amaro blog1
ISSB avança no desenvolvimento de uma base global de divulgações de sustentabilidade
setembro 22, 2022

Por que Deep?

Por Jeter Siqueira

blog postagem 2Dois amigos me convidaram para criar a marca para a empresa que eles estavam fundando.

Arthur, um ex-aluno do ITA, com energia e capacidade ilimitadas, e Paulo Miranda, com uma experiência que até hoje ainda me impressiona, e um objetivo bem claro: fazer deste um mundo melhor.

 Aqui na JETER DESIGN a gente acredita muito na força do propósito como meio para gerar valor para uma marca. Então, começamos por um grande exercício com os líderes da DEEP para entender a fundo a personalidade, essência, as aspirações e diferenciais. Mais importante ainda, desvendamos qual o propósito e o que essa empresa tinha de especial.

Desde o início, uma das maiores preocupações deles era fazer tudo com profundidade e competência, indo buscar os dados mais puros da contabilidade das empresas para fazer o cálculo e entregar dados ESG com precisão. Com isso, seria criado um critério de valor sob a visão dos impactos de todos os investimentos feitos pelas empresas.

Depois de muitos nomes passarem pela mesa, e algumas discussões acaloradas, DEEP surgiu como algo óbvio  – como quase todo bom design, o óbvio e o simples se revelam apenas depois de muito suor. Nome curto, internacional, fácil de falar e lembrar, alinhado com as personalidades dos dois gestores e, o mais importante: livre para registro no INPI! 

Idealizamos uma marca que, no início, viria acompanhada das letras ESG para garantir a associação direta com as soluções que estavam sendo criadas. A tagline carrega o DNA da empresa – “IMPACT THAT MATTERS” – e deu tanto trabalho quanto o nome, pois tinha que ter profundidade e ser carregada de significado.

As ideias foram se encaixando e por fim surgiu o símbolo da DEEP que é um D sendo “descascado”, para, aos poucos, ir revelando os dados mais profundos e difíceis de serem descobertos. Esse D é dividido em três partes, com três cores diferentes que representam (E)nvironmental, (S)ocial e (G)overnance, revelados nessa ordem.

Tenho muito orgulho deste projeto e, mais ainda, do impacto positivo – e profundo – que me sinto ajudando a DEEP a gerar nas pessoas, nas empresas, na sociedade e, porque não dizer, no mundo! 

DEEP ESG
DEEP ESG
The first fully integrated, real-time, ESG platform to assess, measure and report ESG financial data within organizations and across sectors.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: